14 de out de 2013

LIVRO - História concisa da semiótica


Hoje nossa sugestão de leitura se volta tanto para aqueles que querem iniciar seus estudos em semiótica como para os interessados em sua história. Partindo de uma abordagem didática, o livro História concisa da semiótica organiza os conceitos que levaram à formação da teoria em uma ordem histórica, que não corresponde, necessariamente, à ordem da história real.Partindo das relações entre Ferdinand de Saussure e a semiologia, o livro de Anne Hénault discute o projeto científico da linguística, que daria origem, posteriormente, à teoria semiótica. Antes de chegar a Algirdas J. Greimas e à escola semiótica de Paris, a autora passa pelas abstrações de Hjelmslev, pelos formalistas russos (V. Propp e a tradição oral) e pelos estruturalistas de Praga, desenhando os arcabouços teóricos da semiótica francesa.O esforço teórico de Greimas e da escola de Paris foi reconhecido pela autora e, assim, os desdobramentos dessa vertente da teoria semiótica foram privilegiados. Alguns leitores podem estranhar, por exemplo, a ausência de discussões sobre a teoria semiótica americana de Charles Sanders Pierce (semiótica peirciana) nesse livro, que foi desprezada pelo recorte feito por Anne Hénault.A partir do “ponto de não-retorno”, reflexão de Saussure sobre a língua, História concisa da semiótica contempla as descobertas semióticas realizadas a partir do final do século XIX que fundaram a singularidade e a autonomia dessa teoria. Mesmo que muitos teóricos tenham sido apenas citados e pouco discutidos neste trabalho, vale a pena conhecer essa história uma vez que “a real definição da teoria semiótica é sua história”.

História concisa da semiótica - Anne Hénault DISPONÍVEL EM:www.parabolaeditorial.com.brR$22,00Fernanda Massi

Postado por

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por enviar o seu comentário! Ele será publicado em breve.